Utilizamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso site. Ao continuar navegando você concorda com a nossa política de privacidade.
Aceitar e Fechar
 
 

O Papa: coloquemos as famílias, sobretudo as mais frágeis, sob o olhar de Maria

Em sua mensagem em vídeo para a arquidiocese da cidade argentina de Rosário, por ocasião do ano mariano arquidiocesano, Francisco exorta a rezar pelas famílias, especialmente aquelas que "sofrem a pobreza, a indigência, a falta de trabalho"

09.12.2022 | 2 minutos de leitura

O Papa: coloquemos as famílias, sobretudo as mais frágeis, sob o olhar de Maria

Um ano para lembrar e manter vivas as raízes da cidade e da Arquidiocese de Rosário, Argentina, ligadas à Virgem. Mas também um tempo de graça e de misericórdia para uma verdadeira e profunda conversão ao Senhor através da intercessão de Maria. Neste horizonte se realiza o Ano Mariano Arquidiocesano de Rosário, de 7 de outubro de 2022 a 7 de outubro de 2023, marcado pelo lema "Com Maria do Rosário, missionários pela paz".

O convite é a voltar o olhar para Nossa Senhora a fim de implorar paz para a cidade e para as famílias. Na mensagem em vídeo para a Arquidiocese de Rosário, por ocasião deste ano mariano, o Papa Francisco lembra que no próximo dia 3 de maio "faz 250 anos da chegada da imagem da Virgem". O Pontífice também se detém sobre algumas das chagas que afetam a cidade argentina: "vemos violência em toda parte, violência na cidade, insegurança. Na maioria dos casos, uma violência produzida pelo narcotráfico". Até agora, em 2022, já "morreram 240 pessoas", incluindo crianças, adultos e idosos.

Sob a proteção de Maria

Na mensagem em vídeo, o Papa exorta a rezar pelas famílias e pelas vocações. "Queremos colocar as famílias sob a proteção de Maria, especialmente aquelas que sofrem a pobreza, a indigência, a falta de trabalho". "Queremos também colocar as vocações sob os cuidados da Mãe de Deus, trabalhando por uma cultura vocacional: vocações ao matrimônio, à vida consagrada, ao sacerdócio". Do Pontífice também a exortação a ser peregrinos no Santuário Mariano da Arquidiocese de Rosário, "em busca da graça, onde experimentamos o amor da Mãe, a proximidade de Cristo e a misericórdia do Pai, através do sacramento da Reconciliação e das indulgências que a Igreja nos oferece". "Este - conclui o Papa - é um ano mariano, um ano em que a Igreja sai ao encontro de todos com o coração aberto; sai ao encontro de todos com coração missionário, com um rosto missionário".

 
X FECHAR
Cadastre-se para
conhecer o
nosso carisma

WhatsApp

Fale conosco